SEMAR emite Licença de Operação para Linhas de Transmissão no Piauí

SEMAR emite Licença de Operação para Linhas de Transmissão no Piauí

No último dia 16/06/16, a Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos - SEMAR, emitiu a Licença de Operação (LO) para as empresas São João Transmissora de Energia S.A e São Pedro Transmissora de Energia S.A autorizando a operação da atividade da Linha de transmissão 500kV SE Gilbués II – SE com aproximadamente 819 torres e a Linha de Transmissão 230kV SE Gilbués II – SE Bom Jesus II – SE Eliseu Martins com aproximadamente 537 torres.

Os empreendimentos

 A implantação das duas linhas de transmissão de energia e quatro subestações no sul do estado do Piauí teve como objetivo reforçar o sistema de transmissão elétrica do país, garantindo mais conforto no dia a dia das pessoas em todas as regiões do Brasil.

A Linha de Transmissão 230kV SE Gilbués II – SE Bom Jesus II – SE Eliseu Martins tem, aproximadamente, 274 quilômetros e atravessa nove (09) municípios do Piauí: Gilbués; Monte Alegre do Piauí; Redenção do Gurguéia; Bom Jesus; Santa Luz; Cristino Castro; Alvorada do Gurguéia; Colônia do Gurguéia e Eliseu Martins. Este empreendimento viabiliza a transmissão de energia entre as subestações (SE) de Gilbués (Monte Alegre do Piauí), Bom Jesus II (Bom Jesus) e Eliseu Martins (Eliseu Martins).

A Linha de Transmissão 500kV SE Gilbués II – SE São João do Piuaí tem, aproximadamente, 413 km e atravessa 11 municípios do estado do Piauí: Gilbués, Monte Alegre do Piauí, Redenção do Gurguéia, Bom Jesus, Santa Luz, Cristino Castro, Alvorada do Gurguéia, Canto do Buriti, Tamboril do Piauí, Brejo do Piauí e São João do Piauí. Este empreendimento viabiliza a transmissão de energia entre as subestações de Gilbués e São João do Piauí(São João do Piauí).

Ambos empreendimentos empregaram mais de 2000 trabalhadores diretos e cerca de 1000 indiretos.

Consultoria Ambiental

 A Ambientare foi responsável pela execução dos Programas Ambientais e Gestão do Licenciamento Ambiental previstos no Plano Básico Ambiental (PBA), pertinente às obras de instalação dos empreendimentos desde Julho de 2015.

Categoria: 
Clientes

Outras notícias que talvez lhe interessem

Governo decide agilizar licença ambiental de aeroportos regionais

 

O plenário do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) aprovou nesta quarta-feira (12) uma resolução que reduz de 2 anos para 6 meses o prazo máximo para a emissão de licenças...

Energia eólica impulsiona o desenvolvimento social em regiões mais pobres

O avanço do setor de energia eólica no Brasil também ajuda no processo de desenvolvimento social e econômico de regiões carentes do País. A afirmação é do presidente da Empresa de Pesquisa...

Falta de licença ambiental pode fechar até 40% dos postos de gasolina

Cerca de 16 mil postos de combustíveis em todo o Brasil correm o risco de fechar já a partir de 19 de outubro. É quando a fiscalização da Agência Nacional do Petróleo (ANP)passará a exigir, entre...

Soluções em meio ambiente
Entre em contato conosco e solicite uma proposta. Temos a solução ambiental ideal para sua empresa.